04 março 2021

UM PINGO DE PAZ NO MEIO DO FURACÃO

| 58Comentário

 

Nesse mês completo um ano dentro de casa por causa da pandemia literalmente sem sair para lugar nenhum exceto médico quando foi muito necessário, pois quando pude adiar eu adiava e adiei por muito tempo. 

 

Um ano sem sair de casa e quando era necessário é com o rosto coberto por uma máscara, um ano sem respirar direito na rua, um ano sem sair para a beira de uma praia para dar um mergulho e ver o pôr do sol, um ano sem poder me sentar num restaurante e saborear uma comida feita por alguém desconhecido. Um ano sem dar um abraço apertado em amigos, um ano sem poder passear, sair livremente, ver obras de arte em museu, um ano sem ir a um parque ecológico, um ano sem ter a experiência de viver novas histórias fora de casa.

 

Um ano de muito aprendizado, de muita resiliência, desespero, choro, sorrisos e de alguma forma aprender a me reconectar com pessoas através de uma tela.

 

Um ano aprendendo a ter paz no meio de um furacão.

 

A sensação não foi boa ano passado logo quando começou a pandemia, era medo, desespero de perder pessoas, de não poder sair por muito tempo como aconteceu e tem acontecido ainda, sensação de impotência, de não poder resolver o problema, sensação de caos.

 

Um ano aprendendo, se reinventando, aprendendo a cada dia a viver em paz no meio de tanta turbulência, um ano cheio de vitórias em meio ao caos, um ano cheio de sentimentos internalizados saindo de dentro para fora. Um ano de autoconhecimento, resiliência, dor e crescimento. Um ano de amor, de aprendizado, sabedoria e mudanças, muitas mudanças.

 

Um ano olhando pela janela e vendo o tempo passar e eu aqui estagnada, parada sem poder usufruir, um ano cheio de planos para serem concluídos mas, que no meio do caminho tiveram que ser refeitos ou adiados. Um ano aprendendo a olhar pela janela e apreciar cada vez mais o quintal, as plantas, flores, a terra molhada, a horta, os animais. 

 

Muita coisa mudou de dentro para fora, muita coisa já não importa mais e outras que não importavam tanto hoje estão no topo da vida.

 

Saber sentir e viver dentro da realidade que temos é saber ter um pouquinho de paz no meio de um furacão. Viver com o que temos e aprender o que é realmente importante e o que realmente necessitamos para viver é um aprendizado eterno. Saber que muitas vezes temos pouco se comparado com outro mas, temos muito para nós mesmos. Saber dividir, agregar, se doar, e aceitar ajuda é saber viver.

 

Viver é o que todos queremos e vamos fazer isso da melhor maneira a cada dia porque a cada dia uma nova oportunidade para ter a vida que sonhamos.

 

 

58 comentários:

  1. Um ano muito difícil e desafiador, né Vanessa? Nem dá para acreditar que já estamos vivendo essa pandemia há um ano. Mal posso esperar para poder caminhar pelas ruas tranquilamente de novo... Que esse dia chegue logo! Um beijo :*

    Não Me Mande Flores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila tudo bem?
      Também torço para que esse dia chegue logo para que possamos voltar fazer caminhadas ao ar livre.
      Beijos.

      Excluir
  2. Que lindo seu blog, que linda imagem, dá muitas saudades de ir aos lugares , de viver livre, sair na rua sem máscaras, um ano dentro de casa , coisa que nunca imaginávamos passar , mas como disse minha amiga, temos que agradecer por estarmos vivos, estar vivo é um presente de Deus e tudo isso passará . Continue se cuidando . Que Deus continue cuidando de todos nós. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      É verdade precisamos a cada dia agradecer por termos saúde e por outras pessoas estarem se protegendo e protegendo os outros também.
      Beijos.

      Excluir
  3. Respostas
    1. Um longo período de muita aprendizagem e de resiliência, aprendemos na marra mesmo.
      Beijos.

      Excluir
  4. E a Paz de espírito faz tanta falta para a nossa estabilidade emocional.
    Feliz fim de semana
    .
    .
    Abraço poético.
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir
  5. Oi, Vanessa. Como vai? Que texto incrível, parabéns! Realmente a pandemia mudou nossas vidas de uma maneira que jamais imaginávamos que poderia acontecer, mas aconteceu. Agora resta-nos viver o novo normal na medida do possível, e aprender todos os dias que o pior já passou, mas devemos continuar cuidando de nós e do outro para que não aconteça o pior novamente. Espero que você fique bem e que você não se sinta impotente diante das circunstâncias deste momento tão ruim em nossas vidas. O melhor que temos a fazer é termos esperança de que tudo acabará bem, embora muitos não se importem com os outros. Abraço!



    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Graças a Deus tudo bem :)
      Amei saber que gostou da reflexão, realmente a pandemia fez nossa vida girar de uma maneira que nunca poderíamos imaginar e que tudo fique bem em breve.
      Abraços.

      Excluir
  6. Realmente tem sido muito desafiador tudo isso. E se todos tivessem esse comportamento, a essa altura já estaríamos praticamente livre do vírus. Enquanto uns saem pq são obrigados [meu caso, que tenho que trabalhar presencialmente 3 dias na semana] outros que nem se quer trabalham ficam frequentando baladas clandestinas e espalhando a doença. Maior que o medo é minha revolta, e pior que o vírus são alguns seres humanos. Mas fé em Deus, tudo passa e isso também não durará para sempre.

    Beijos/Kisses.



    Anete Oliveira

    Blog Coisitas e Coisinhas

    Fanpage

    Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! verdade, se todos estivessem em isolamento com certeza o vírus já teria diminuído e não se propagado da maneira que está, cada dia pior.
      Vamos ter fé que em breve vai passar.
      Beijos.

      Excluir
  7. Oi Vanessa,
    Esse 2020 Parte 2 está complicado...
    Mas vamos ter esperança que tudo melhorará, a vacina chegou, precisamos agora ter fé que será aplicada com agilidade e segurança.
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! É verdade esse ano também está sendo muito complicado, a vacina chegou e está fluindo vamos ver quanto tempo ainda vamos ter que continuar em isolamento até podermos viver de novo livres (de certa maneira livres).
      Beijos.

      Excluir
  8. Disse tudo! Eu estou vivendo a mesmíssima coisa e até com um pouco mais de rigidez, por conta de uma debilidade imunológica, resultante do tratamento que estou fazendo. Quero muito acreditar que muitas pessoas estejam sendo transformadas, em decorrência dos acontecimentos que temos testemunhado e experimentado. Mas só o tempo dirá quem realmente evoluiu e quem ficou na mesma.

    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Eu também estou com muita rigidez pelo mesmo motivo que o seu, é muito complicado né. A cada dia da um medo e uma sensação diferente mas, precisamos continuar seguindo em frente sempre.
      beijos.

      Excluir
  9. Assino onde? (risos) Estou praticando o #isolamentosocial com #Usodemáscara e #distanciamentosocial sempre que necessario sair para adquirir comida ou remédio. Reaprendendo a conviver 24horas com as mesmas pessoas, aproveitando o tempo comigo e com quem amo, um sonho de consumo para alguem que vivia correndo para cumprir prazos e metas. Não reclamo da minha rotina, o que me deixa triste nesse momento é o sofrimento das pessoas que estão perdendo seus entes querido.

    Muita Luz e Paz!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Amei saber que gostou do texto e sim, cada dia reaprendendo a viver e conviver com as mesmas pessoas só que agora em tempo integral. Antes a correria fazia não termos tempo e agora esse tempo chegou em casa e não sabemos como lidar com o tempo que temos, por isso a importância de criar uma rotina e seguir.
      Beijos.

      Excluir
  10. Que post mais lindo esse!
    www.achatadebatom.com

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Aqui o desemprego me preparou, fico só em casa há anos haha... e pelo visto vou/vamos continuar durante em 2021 pela falta de noção alheia.

    até mais,
    Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Aqui também chegou o desemprego e já faz um bom tempo só dentro de casa, esperando as coisas amenizarem para procurar um novo emprego e ao mesmo tempo trabalhando com outras coisas de forma online o que é muito bom.
      Beijos.

      Excluir
  12. Oi Nessa, tudo bem?
    Que loucura tudo isso, pensar que há 1 ano a gente não fazia ideia do que nos aguardava, não fazia ideia que era a última temporada de normalidade. 2021 tá muito difícil. :(
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo bem por aqui:)
      É verdade, não sabíamos o que estava por vir e muitas vezes deixamos coisas menores esquentarem nossa cabeça, nesse tempo em casa conseguimos rever quais são as prioridades.
      beijos.

      Excluir
  13. 2020 foi um ano complicado, difícil e que nunca imaginaríamos que aconteceria. Apesar de tantas atrocidades, aprendemos nossas lições, e uma delas foi olhar para nós mesmos e vermos o que estamos fazendo da vida. Hoje me vejo ainda com prazos para cumprir, mas que não quer mais ficar correndo para um lado e para o outro, como se minha vida fosse apenas isso. Quero paz, quero sossego e menos cabelos brancos por estresse.
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Um ano complicado se foi e outro que ta sendo bem complicado estamos e acredito que vamos viver assim por mais um bom tempo, mas nesse tempo conseguimos rever nossas prioridades e ver o que é realmente importante e como é ter esse tempo com quem amamos e fazendo de certa forma o que é necessário para nossa sobrevivência.
      Também quero sossego e paz.
      beijos.


      Excluir
  14. Oi Vanessa, tudo bem?

    Te entendo perfeitamente. Dia 19 agora, vai fazer um ano que estou em casa e por mais que tenha passado 2020 de forma tranquila, confesso que 2021 começou bem tumultuado.

    Mas sempre que me sinto sufocada, busco fazer atividades que me tragam paz como escutar música, escrever ou ler.

    Beijos;***
    Ariane Gisele Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Te entendo demais e concordo muito com suas palavras, foi e está sendo complicado e acredito que ainda vai ser bem complicado por mais algum tempo, sufocada é a palavra chave para o que estamos vivendo com mais mil sentimentos que afloram a cada dia.
      Mas, precisamos sempre seguir adiante e tentar fazer nosso melhor.
      beijos.

      Excluir
  15. Tem sido tempos difíceis nunca pensamos em passar por esta pandemia
    http://retromaggie.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! É verdade, tempos difíceis e espero que possamos logo andar livremente por aí.
      Beijos.

      Excluir
  16. Tempos muito difíceis estes.

    Isabel Sá  
    Brilhos da Moda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tempos difíceis e complicados mas, que a cada dia reaprendemos a viver.
      beijos.

      Excluir
  17. Oi, Vanessa. Tudo bem?
    2020 foi um ano complicado e 2021 continua sendo a parte 2, aos poucos no meio do caos aprender a viver devagar e tranquilo, encontrando formas de apreciar a beleza e leveza do que temos no dia a dia.

    Beijos, Vanessa
    Leia Pop

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Tudo em por aqui :)
      Foi e tem sido anos complicados, e cada dia parece que vem alguma nova notícia e cada vez mais ficamos abalados mas, temos que reaprender a viver a cada dia.
      Beijos.

      Excluir
  18. Olá, Vanessa.
    Um ano já e a situação só piora. E o pior é ver que as pessoas chutaram o balde e não estão nem ai mais para a doença. Enquanto a gente só sai para o necessário o povo sai só para dar uma volta, sem falar nos bailes funks que junta tanta gente. Espero que possamos tirar lições valiosas desse período.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sil, é exatamente isso. O ano se passou e só vejo a piora das pessoas, sem máscara, sem consciência e sem amor ao próximo, temos que fazer nosso melhor sempre para nos proteger também.
      Beijos.

      Excluir
  19. Um ano muito díficil para quem cumpriu o confinamento, porque muitas pessoas nunca cumpriram regras nenhumas, eu vi fotos das praias do Rio cheias de gente!
    Feliz Dia da Mulher!
    xoxo

    marisasclosetblog.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, aqui ficou mesmo cheio, praticamente sem isolamento e muitas pessoas sem máscaras até hoje que os casos aumentam a cada dia.
      Infelizmente a falta de amor ao próximo é enorme.
      Beijos.

      Excluir
  20. Amei a reflexão. Foi um ano bem complicado e ao que parece está voltando tudo ao que era, com as coisas fechando e mais mortes. Acho que sempre temos que tentar coisas novas para tentar se sentir melhor
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Foi e está sendo muito complicado e a cada dia parece que aumentam as mortes, os casos triplicam e as pessoas continuam sem consciência alguma. Mas, precisamos focar nas pessoas que ajudam e que tem amor ainda pelo próximo, que se protegem e termos essa consciência e fazer o nosso melhor sempre.
      Beijos.

      Excluir
  21. Respostas
    1. Concordo que a paz é fundamental para nossa saúde mental.
      Beijos.

      Excluir
  22. Post maravilhoso, vizinha. A pura verdade. Eu comecei a me sentir melhor quando voltei a me exercitar ao ar livre e a passear com o cachorro. Vou sempre bem cedinho e o calçadão é bem vazio a essa hora, então o distanciamento é mantido. De máscara sempre.

    Amei a frase "Muita coisa mudou de dentro para fora, muita coisa já não importa mais e outras que não importavam tanto hoje estão no topo da vida." Define bem a minha pandemia também.


    Beijossssssss
    ┌──»ʍi૮ђα ツ

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Amei saber que gostou e sim muita coisa mudou de dentro para fora e muitas coisas que eram muito importante já não fazem sentido para nós. por isso precisamos sempre rever nossas prioridades e fazer o nosso melhor sempre.
      beijos.

      Excluir
  23. Oi, amei seu texto. 1 ano de muita tristeza, principalmente para aquelas que perderam seus entes querido para esse vírus máldito.
    Beijos
    https://deliriosdeumaliteraria.blogspot.com/?m=1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Um ano de muito sofrimento e de muita tristeza principalmente para quem perdeu pessoas próximas e parentes, é triste e nem tenho palavras para descrever o quão difícil é.
      Beijos.

      Excluir
  24. É, um ano se passou. Nem parece. E não temos a esperança do fim da pandemia. Continuamos usando máscaras, álcool em gel e praticando o distanciamento social. Vejo que muitas coisas mudaram, mas para pior. Aqui em Brasília vivemos o lockdown e o toque de recolher.

    Boa semana!

    O JOVEM JORNALISTA voltou do Hiatus de verão cheio de novidades e posts novos!

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Vivemos há mais de um ano nessa pandemia e voltou a piorar, na verdade nunca parou de piorar né. Vamos ter fé que pelo menos daqui há um ou dois ano isso melhore.
      Abraços.

      Excluir
  25. Que texto e reflexão maravilhosa, nesse um ano eu limpei armário duas vezes, me reinventei, vi fazendo coisas que antes não faria, abri bem a mente, tem sido complicado mas ao mesmo tempo me vi uma nova pessoa.

    Beijos
    www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Ju, acho que conseguimos redescobrir várias coisas dentro de nós mesmos, sair da caixinha e ver quais são nossas necessidades e o que realmente precisamos.
      Beijos.

      Excluir
  26. Foi, sem dúvida alguma, um ano que nos colocou a todas à prova... Vamos acreditar que melhores dias estão por vir e que o pior já passou

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos acreditar que uma hora vá melhorar sim, só com esperança conseguimos continuar.
      Beijos.

      Excluir
  27. Oi Vanessa, ontem eu completei um ano de home office, de isolamento e distanciamento. Vamos aprendendo, nos moldando e buscando paz em pequenas coisas. Olhar pela janela, ver o céu azul e ver o raio de sol entrando é uma das pequenas coisas me que trazem essa sensação de conforto e de paz.
    beijos
    Chris


    Inventando com a Mamãe / Instagram  / Facebook / Pinterest

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! A cada dia que passa vamos nos moldando e vendo muitas mudanças no mundo e em nós mesmos, é um tempo difícil que aprendemos a viver e sobreviver e a cada dia vamos tendo esperança que em breve isso melhore.
      Beijos.

      Excluir
  28. Realmente esse ano de 2020 não foi o esperávamos, e tristemente 2021 nos apertou um pouco mais. Mas como você mesmo disse nos reiventamos todos os dias, não é fácil alguns dias são melhores que os outros, mas sempre devemos ser gratos por continuarmos vivos.
    Que daqui pra frente possamos ter mais momentos de respiro.
    Beijo Nessa♥️

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi minha linda, exatamente assim. Que daqui em diante consigamos ter mais momentos de respiro e tranquilidade.
      Beijos.

      Excluir
  29. Eu estou pensando nisso, as coisas andam tão complicada, cansativas, as vezes parece que estamos mesmo em um furacão,eu vivo isso todos os dias, nem penso como estou conseguindo passar por tudo isso, venho jurando que vou conseguir seguir em frente. Grande abraço querida.

    ResponderExcluir
  30. "Um ano de autoconhecimento, resiliência, dor e crescimento. Um ano de amor, de aprendizado, sabedoria e mudanças, muitas mudanças."
    Me senti acolhida, porque é o sentimento que vivo diariamente, e todo dia saber e aprender, tornar-se mais forte, cair e levantar. Foi um ano que espero que possamos sair melhores do que fomos ontem. Ótima reflexão e palavras bem colocadas!

    KAROLINI BARBARA (BLOG)
    @karolinibarbara_

    ResponderExcluir

Todos os direitos reservados - Desenvolvido com
por Lorena Alves